7 erros que não devem acontecer na tua meia maratona

7 erros que não devem acontecer na tua meia maratona

Assumimos que para fazeres a meia maratona já fizeste algumas corridas de 10 km’s e que também treinaste para os 21.095 metros da meia maratona. 

Assim, para maximizares o sucesso no dia da tua meia maratona, dizemos-te o que não deve de todo acontecer!

Não dormir bem no dia anterior

Um corpo cansado não vai ter a mesma eficiência na prova. Vai dispender mais energia para os mesmos ritmos, o que fará com que esta energia acabe mais cedo do que seria normal e, mais cedo ou mais tarde, o ritmo irá baixar. 

Dormir bem nos dias anteriores será importante para estares mais disponível para a corrida.

Não tomar um pequeno almoço diferente do que estás habituado

Somos feitos de rotinas, um pequeno almoço diferente para o estômago pode trazer mais dispêndio energético para fazer a digestão e causar também problemas gastrointestinais. Melhor será não arriscar mesmo!

Não fazer um aquecimento ligeiro

Não faz muito sentido iniciar a prova sem aquecimento! Porquê? Porque precisamos de nos preparar fisicamente e psicologiamente para a corrida. 

Conseguimos isto com exercícios de mobilidade geral e com uma corrida ligeira de 5 a 10 minutos, em que os ritmos deverão ser baixos com o objectivo de aumentar a tua frequência cardíaca e, por sua vez, a tua circulação sanguínea

Não correr com umas sapatilhas novas

Um dos erros mais comuns é levar umas sapatilhas novas. Não! Aqui não podes falhar, porque a probabilidade de ao longo da prova te aparecerem bolhas nos pés é altíssima devido à frição que poderá existir. Melhor levares aquelas sapatilhas com que tens treinado.

Não atares bem as sapatilhas

A sensação durante a prova não será boa se tiveres de parar para apertar os atacadores. Depois, ainda vais ter de te baixar, apertar os atacadores e voltar ao ritmo. Nesta última fase ainda pode acontecer ficares tonto por teres-te levantando rapidamente. Portanto, melhor atar bem, ou dar dois laços ou três nos atacadores.

Não começar com um ritmo muito rápido

A meia maratona é uma corrida em que a estabilidade no ritmo é crucial. Será importante não ir em ritmos superiores ao teu limiar anaeróbio e ir, num ritmo confortável. Exemplo, não faz sentido ires ao teu ritmo dos 10km’s… Sendo prudente no ritmo inicial, não estragas a tua corrida, e mais perto do final, se tiveres bem, ainda terás energia para poderes aumentar o ritmo. 

Não hidratar nem comer durante a corrida

Se não te hidratares e não restabeleceres as fontes de energia, irás entrar em fadiga mais cedo. Assim, não esquecer de ao longo da prova, te hidratares nos vários postos de abastecimento que existem, aproveitando para comer algo ou beber um gel energético que já tenhas testado nos teus treinos, para que não te traga problemas gastro-intestinais. 

Se for do teu interesse, e para que para que possas preparar a tua próxima meia maratona ou outra corrida, disponibilizamos uma acompanhamento personalizado de corrida.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Scroll to top
X
X